Conheça os tipos de anestesia

Existem vários tipos. A local é usada em intervenções menores e rápidas, como a otoplastia (para correção de orelha de abano) e a blefaroplastia (realizada na área dos olhos), e dura cerca de duas horas. Os medicamentos aplicados na região a ser operada impedem a formação de estímulos nervosos ligados à dor.

As anestesias loco-regionais (peridural, raquidiana e regional) adormecem não só uma pequena área, mas um conjunto de nervos de toda uma região.

É mais utilizada em cirurgias de pequeno e médio porte. A peridural e a raquidiana injetam anestésicos dentro do canal medular e necessitam de sedação prévia. Já as regionais destinam-se às áreas que se distanciam da parte lombar.

A geral, por agir diretamente no cérebro, deixa o paciente totalmente inconsciente. É aplicada em cirurgias mais densas e doloridas e costuma causar efeitos colaterais, como náuseas. As doses são administradas no decorrer do procedimento, portanto é o médico que decide o seu tempo total de ação.

Um abraço,

Dr. Pedro Faveret

 

www.pedrofaveret.com.br | © 2016 Todos os direitos reservados à Dr. Pedro Faveret